Sobre - Blog Sonho e Destino - Dicas, Roteiros e Destinos de Viagens

Assine nossa newsletter:

Quer receber nosso informativo e ficar por dentro das nossas viagens? Basta cadastrar o seu e-mail abaixo.

Sobre

Olá pessoal!

Somos o casal Gisella e Fernando. Estamos juntos há 11 anos e a nossa atividade favorita é viajar. Começamos a viajar por conta do nosso trabalho, Fernando é Diretor de Fotografia e Gisella produtora executiva. Fotografias são a nossa paixão. Assim, com tanta viagem marcada, tantos lugares novos para conhecer, resolvemos criar esse blog para ajudar os casais a achar os melhores destinos para viajar a dois. Fernando morou no Canadá por quase 2 anos e Gisella esteve nos Estados Unidos por 1 ano. Abaixo, eu conto um pouco do que foi a minha experiência por lá.

O Blog Sonho e Destino foi criado para trazer dicas, experiências e dividir com nossos leitores e amigos as nossas melhores experiências, para que vocês possam aproveitar ao máximo sua viagem e é claro, conhecer um pouco por onde viajamos também.

MINHA MAIOR EXPERIÊNCIA

Um dos tipos de intercâmbio que vem crescendo muito no Brasil é o de AUPAIR.

Eu fiz o programa de AUPAIR no ano de 2009. Foi a primeira vez que fui para fora do país Para mim era tudo muito novo, diferente e assustador. Eu não sabia o que eu iria encontrar e não fazia ideia de como as coisas funcionavam.

Algumas informações técnicas:

Muitas pessoas não entendem ou ficam confusas quando falamos sobre isso. Para deixar mais claro o programa AUPAIR – é um programa de trabalho. Você viaja com o visto de trabalho e no tempo que você está lá você também pode estudar.

O nome AuPair vem do francês e significa “ao par” ou “igual”. Você mora na casa de uma família Americana, cuida dos filhos dessa família e faz parte dela. Costumo dizer que somos a filha/o filho mais velho da casa. Sim, o programa AuPair é autorizado para meninos também.

Você escolhe um dos programas de AuPair disponíveis no Brasil e precisa se adequar a alguns pré-requisitos:

– ter entre 18 e 26 anos;
– ter algum conhecimento em inglês;
– saber dirigir e ter carteira;
– ter disponibilidade para ficar no país entre 12 a 24 meses;
– ter terminado o Ensino Médio;
– gostar de crianças;
– ter passaporte válido;
– ter experiência com crianças com comprovação;

Após se adequar a esses requisitos, a candidata precisa pagar algumas taxas de inscrição que podem variar dentre o programa escolhido:

– Taxa de inscrição: 90,00 Reais
– Custo do programa: 900.00 Dólares

Cabe lembrar que ao se inscrever em um programa é importante saber quais são os seus direitos:

– Remuneração Semanal de aproximadamente 200 dólares
– Bolsa de estudo para o Ano de aproximadamente 500 dólares
– Curso na chegada em um hotel com tudo pago;
– Seguro saúde
– Acomodação na casa da família com quarto individual;
– Passagem aérea de ida e volta;
– 1 final de semana livre por mês;
– duas semanas de férias remuneradas, podendo variar de acordo com o programa escolhido.
– Você terá uma coordenadora local com reuniões mensais para lhe ajudar sobre qualquer imprevisto.

Vou dividir com vocês um pouco da minha história. Sou natural de Ascurra – SC, uma cidade de 7.000 habitantes. Meu sonho era viajar para fora do país, mas por condições sempre achei que seria algo impossível.

Minha prima Nina me apresentou o Programa AuPair e foi nesse momento que vimos nossa oportunidade.

Entrei num curso de inglês básico para conseguir me virar e encarar o que vinha pela frente. Conversei muito com outras AuPairs para não ter dúvida do que me esperava nos Estados Unidos. Meu noivo foi essencial e me apoiou desde o início, assim como toda a minha família.

Consegui achar uma família do norte de New Jersey. Eu queria muito conhecer a neve e me certifiquei que nevava na cidade escolhida.

As crianças que eu cuidei tinham seis anos quando cheguei na casa. Eles eram gêmeos: o Jake e a Rachel. Duas personalidade bem diferentes mas que foram me ganhando com o passar do tempo.

aupair2
Junto com o passar do tempo, a neve chegou. Ah, a neve. Lembro como se fosse hoje a primeira vez que vi um floquinho de neve caindo na minha mão. Não tinha como não me emocionar. Tão branca, tão linda e ainda transmitia tanta paz. Simplesmente divina. Todo o esforço nesse momento valeu a pena.
aupair3
aupair4

Outra grande vitória foi conseguir fazer o meu curso de inglês. Sempre quis aprender uma nova língua. Receber o diploma na escola é gratificante.

Eu nem conseguia imaginar a quantidade de experiências incríveis eu estava vivenciando. Resolvi fazer um diário escrevendo todos os dias sobre tudo o que eu estava vivendo e aprendendo.
Não podia e nem queria deixar passar todos os detalhes desse ano maravilhoso.

Assim que retornei ao Brasil muitas pessoas me perguntavam sobre o programa e queriam tirar dúvidas sobre o meu ano de AuPair. Resolvi então fazer um livro com o meu diário. Mais uma vez eu me vi desenvolvendo algo que passava longe da minha imaginação, publicar um livro – www.odiariodegisella.com.br

aupair1

Valeu a pena? Ah, se valeu. Cada aborrecimento, cada discussão, cada briga com as crianças, cada beijo recebido, cada puxão de orelha e cada aprendizado. As crianças me ensinavam a cada dia que eu poderia ser alguém melhor.

Se você ainda tem dúvidas sobre qualquer programa de intercâmbio fazer, eu indico o programa AuPair. Minha realização!