Comida tailandesa é realmente muito apimentada? - Sonho e Destino

Assine nossa newsletter:

Quer receber nosso informativo e ficar por dentro das nossas viagens? Basta cadastrar o seu e-mail abaixo.

Comida tailandesa é realmente muito apimentada?

Conheça oito pratos da comida tailandesa para os mais variados gostos.

A comida tailandesa é conhecida e apreciada no mundo inteiro, mas é normal ligarmos essa rica gastronomia com a pimenta. Afinal, especiarias são muito comuns nessa parte da Ásia. Viajando pela Tailândia por mais de 15 dias, descobrimos que a comida local não é tão picante quanto muitos dizem, na verdade essa é uma questão e gosto, na maioria das vezes. Isso quer dizer que você pode escolher na hora que vai comer o quanto de pimenta irá colocar no prato.

Tempero a gosto do freguês
Acontece que na culinária tailandesa os ingredientes são básicos na hora de cozinhar, variando de cada lugar o quanto de especiarias será acrescentado, e é na mesa que ficam os condimentos picantes. Se você tiver o paladar calejado, pode tascar as pimentas mais fortes na sua refeição. Mas não se engane: existem sim pratos bem apimentados por natureza, que você não tem a opção de escolher, então aqui vão dicas de 8 pratos típicos da comida tailandesa para você apreciar:

Para conhecer um pouco mais da Ásia, confira nosso texto sobre Hong Kong: http://sonhoedestino.com.br/nossa-chegada-em-hong-kong/

Pad Thai
O Pad Thai é o prato mais conhecido da Tailândia, e para nós, um dos mais gostosos! No Pad Thai é servido um macarrão de arroz, frito em uma panela típica asiática, a wok, com camarão, frango, ovos, broto de feijão e molho de peixe e pimenta vermelha. Apesar desse último ingrediente ser obviamente picante, não é exagerado e mesmo quem não gosta de pimenta consegue comer sem queimar. Na verdade a quantidade de pimenta varia de acordo com o lugar onde o prato é servido. O Pad Thai é uma delícia, gostamos tanto desse prato que sempre procurávamos por ele na hora do almoço. O mais interessante é que ele é muito comum nas ruas, então é fácil de achar em qualquer lugar a um preço muito barato.  O curioso desse prato é que em alguns lugares ele é servido com o tempero asiático molho de peixe, o que não nos agradou, mas descobrimos que em alguns restaurante esse tempero é usando em menor quantidade.

Pad Thai
Pad Thai

Papaya Salad
Não se engane com o nome, pois a Papaya Salad não é doce e não parece mamão, uma vez que é feito com a fruta ainda verde, o que da um aspecto de salada mesmo. Nada melhor para escolher o nível de pimenta do que essa salada de mamão, também muito comum nas ruas, você pode escolher a picância  de 1 a 6, sendo o 1 mais fraco e 6 o nível tailandês profissional! Mas tem um pequeno problema: independentemente do número que você escolhe, sua Papaya Salad é preparada no mesmo lugar que todas as outras, então por mais que quem prepara limpe a área, sempre sobram vestígios da pimenta anterior, o que significa que você vai sentir um pouco mais a ardência. Mas nada que não de para sobreviver, pois a Papaya Salad é servida com um punhado de arroz Glutinoso, justamente para absorver o picante.

Papaya Salad
Papaya Salad

Khao Pad
Esse prato é parecido com o Pad Thai, mas em vez de ser macarrão é arroz Jasmin. Na verdade Khao significa arroz em tailandês, e Pad traduz a técnica chinesa de fritar mexendo em uma wok. O prato também é uma delícia, bem leve e comemos em muitos lugares na Tailândia, principalmente nas ruas, onde é bem comum achar o Khao Pad. Normalmente é preparado com camarão, frango, ovos, cebola e alho. Normalmente não é servido com nenhuma pimenta, pra você colocar a gosto. Então para quem tem tolerância zero para pratos picantes, esse é o caminho para seguir.

Khao Pad
Khao Pad

Pad See Ew
Esse prato pode até parecer mais comum para nós brasileiros, pois lembra muito um Yakisoba chinês, por isso a pimenta também não é muito presente. Vamos dizer que esse seja o Yakisoba Tailandês! O Pad See Ew (ou Phat si-io) é preparado com molho de soja escuro e acompanha macarrão de arroz, frango, carne ou carne de porco, e alguns vegetais. Também é uma ótima opção para quem não gostas de comida muito picante, além de ser leve e delicioso.

Pad See Ew (foto da internet)
Pad See Ew (foto da internet)

Gai Pad
De todos os pratos que falamos até agora, o Gai Pad é o único que não acompanha nem arroz nem macarrão. Ele é bem simples, sendo somente um combinado de frango, alguns vegetais e muita cebola frita na wok. A pimenta fica ao gosto de quem está preparando, o que no caso da Tailândia normalmente vem um pouco acima do que estamos acostumados. Apesar de ser picante, não é nada a um nível absurdo que não de para comer.

Gai Pad
Gai Pad

Tom Kha Gai
Essa é mais uma opção para quem gosta de estar longe de pratos apimentados. O Tom Kha Gai não é nem um pouco picante, muito pelo contrário, ele é até um pouco adocicado, pois sua receita traz uma combinação de leite de coco com suco de limão e molho de peixe. O Tom Kha Gai é um prato muito leve, livre de gordura, glúten e derivados de leite, próprio para quem procura uma dieta saldável e deliciosa. É preparado com frango e algumas hortaliças. Logo na hora de servir pode colocar  uma pimentinha, mas ai fica ao gosto do freguês.

Tom Kha Gai
Tom Kha Gai

Mango Sticky Rice
Um prato muito conhecido em Bangkok, capital da Tailândia é o Mango Sticky Rice, uma combinação de arroz glutinoso com manga cortada em cima, que resulta em um prato delicioso e livre de qualquer pimenta. Alguns lugares temperam o arroz com uma essência de uma for chamada xixi de borboleta, que da uma coloração azul para o arroz. O Mango Sticky Rice é muito comum e facilmente encontrado pelas ruas da Tailândia.

Mango Sticky Rice
Mango Sticky Rice

Tab Tim Krob
Não poderíamos encerrar nossa lista com uma deliciosa sobremesa, muito diferente de tudo que já vimos no Brasil. O Tab Tim Krob obviamente não é apimentado, pois se trata de um prato doce. Essa deliciosa sobremesa tailandesa começa a ser preparada um dia antes de ser servida, pois se coloca arroz Jasmin na água por uma noite inteira para chegar ao caldo ideal, onde é acrescentado o leite de coco e outros ingredientes. Depois são acrescentados pedaços de uma massa de tapioca que foram coloridos com ingredientes naturais como flores e plantas.

Tab Tim Krob
Tab Tim Krob

O segredo para comer bem na Tailândia é experimentar e arriscar. Não julgue um lugar pela aparência, pois, na Tailândia, as vezes uma excelente comida está escondida em um lugar simples. Algumas vezes pode ser que de errado e você tenha que encarar uma pimenta acima do normal, mas conhecer cada ingrediente é essencial para acertar na escolha e voltar para casa com uma vontade de continuar apreciando a deliciosa cozinha tailandesa.

Nós em um restaurante em Chiang Mai
Nós em um restaurante em Chiang Mai
Sonho e Destino
Publicado por
Sonho e Destino

Deixar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *